quinta-feira, 17 de julho de 2008

Uma Coisa de Cada Vez.

Sempre que estamos em busca de respostas para “n” questões do nosso dia a dia, a confusão sempre aparece como nossa maior inimiga. Ela é contrária ao nosso pensamento, pois, ao se manifestar, passamos a fazer várias coisas ao mesmo tempo. De uma só vez, saímos em busca de idéias, informações, opções, sem sermos cautelosos em relação ao nosso objetivo.

Se imaginem tentando fazer malabarismo com várias bolas ao mesmo tempo. Esse é um procedimento que requer treinamento e habilidade. Agora se imagine jogando apenas uma bola de cada vez. Bem mais simples, certo?

O que estou tentando fazer, principalmente em relação ao meu trabalho e estudos, é fazer apenas uma coisa de cada vez. Ou saio em busca de novas idéias, ou tento encontrar os desafios da situação, ou corro atrás de informações, mas não quero mais fazer todas essas coisas ao mesmo tempo.

Tudo isso se resume a focar o pensamento. Até mesmo por utilizarmos diferentes características quando estamos envolvidos em cada uma das situações com as quais nos deparamos no dia a dia. Não posso ser racional e emotivo ao mesmo tempo. Se estou apreensivo, dificilmente verei os benefícios de uma situação. Essa é a realidade.

Como exemplo, posso citar uma dinâmica da qual participei outro dia. Na verdade era uma palestra de apresentação do novo RH do Supermercados BH. Em determinado momento o palestrante passa um vídeo no qual solicita que as pessoas contem quantos indivíduos de camisa branca aparecem em uma cena. Praticamente todos acertam quantas pessoas estavam de camiseta branca na cena, mas pouquíssimas percebem que durante o vídeo, uma pessoa fantasiada de gorila passa no meio das pessoas. O motivo dessa distração? Eles estavam pensando apenas nas pessoas de camisa branca. E isso tem os seus benefícios. Ninguém estava distraído com outras coisas.

Bem, verei se isso vai funcionar. Mais pra frente faço uma postagem comentando os resultados.

Abraço a todos.

segunda-feira, 14 de julho de 2008

Pensamento.

Como disse em minha última postagem, talvez essa seja a hora de recomeçar. Espero estar certo quanto a esse recomeço. Vamos devagar para ver qual o final dessa nova caminhada.


“O fracasso jamais o surpreenderá se sua decisão de vencer for suficientemente forte” – Og Mandino.


Abraço a todos.